“Transformei Campo Grande na capital da qualidade de vida”, lembra Nelsinho

Na manhã desta quinta-feira (20), Nelsinho Trad participou da série de entrevistas com candidatos ao Senado, promovida pelo portal de notícias Midiamax, em que apresentou suas credenciais para o trabalho no Congresso Nacional. O candidato lembrou seu histórico de realizações como gestor público: “Eu fiz 1.044 obras em Campo Grande. Em oito anos, pavimentei 450 km de vias da Capital. Todos os prefeitos que me antecederam haviam feito 455 km”, comparou. Demonstrando como sua administração  representou um salto de desenvolvimento em todas as áreas, Nelsinho afirmou: “Eu transformei Campo Grande em uma grande metrópole, a capital da qualidade de vida”, lembrou.

Candidato Ficha Limpa

Questionado sobre investigações de supostas irregularidades em obras realizadas durante suas duas gestões como prefeito da Capital, Nelsinho apontou a normalidade da existência de investigações em um universo de 1.044 obras entregues ao longo de oito anos de administração pública: “Hoje, o que nós temos é o desenvolvimento dos órgãos de controle. Cada vez mais o Ministério Público, a CGU (Controladoria Geral da União) e o Tribunal de Contas do Estado têm se aperfeiçoado. E, principalmente, os chefes do Executivo devem ter a consciência tranquila quando aos atos administrativos praticados. Até hoje, eu não tenho nenhuma condenação transitada em julgado e é por isso que eu estou aqui. Sou candidato ficha limpa e estou, mais do que nunca, à disposição para prestar os esclarecimentos que forem necessários”, garantiu.


Pronto para o Senado

“Eu estou pronto para o Senado”, declarou o candidato durante a entrevista, com base em sua experiência e no bem-sucedido histórico político-administrativo. “Eu fui presidente da Câmara Municipal de Campo Grande, tendo sido eleito vereador por três vezes. Depois, fui o deputado estadual mais votado de Mato Grosso do Sul”, lembrou Nelsinho, que durante seu mandato como deputado estadual teve entre os projetos aprovados propostas que, posteriormente, foram adotadas em todo o país, como a inclusão dos idosos no Calendário Nacional de Vacinação e a garantia de que recém-nascidos não sejam separados das mães logo após o parto.

Prefeito da Capital por duas vezes, Nelsinho lembrou a aprovação de suas duas gestões, pela população de Campo Grande: “Terminei meu segundo mandato com 87% de aprovação (bom e ótimo)”, lembrou o ex-prefeito, que ainda acumulou no período, uma coleção de prêmios nacionais de reconhecimento pela qualidade da gestão pública e de elevação da qualidade de vida  em Campo Grande. “É por isso que eu quero ser senador. Para ajudar a transformar os municípios de Mato Grosso do Sul”, concluiu.

2018-09-21T19:22:19+00:00